Home Fóruns Lacrimosa e notícias 2016 – Tilo – 25th WGT / Dark Diversity

Este tópico contém resposta, possui 1 voz e foi atualizado pela última vez por  Lacrimaniacos Fã Clube 4 meses, 3 semanas atrás.

Visualizando 2 posts - 1 até 2 (de 2 do total)
  • Autor
    Posts
  • #547

    Dark Diversity – (Uma cena, muitos rostos) em uma entrevista com Tilo Wolff de Lacrimosa na 25th Wave Gotik-Treffen 2016 em Leipzig.

    Lacrimosa é uma banda indispensável para a cultura obscura alemã, tem uma historia de mais de 25 anos ao mesmo tempo sendo internacionalmente conhecida
    Em 1993 Lacrimosa tocou seu primeiro concerto no Wave-Gotik-Treffen. E em 20016 eles tocaram aqui pela sétima vez
    Eu tive a chance de falar com o fundador da banda, Tilo Wolff

    – Muitas pessoas sabem que a palavra “Lacrimosa” vem do Requiem de Mozart e isso significa algo como (Cheio de lagrimas), Porque você escolheu esse nome para o projeto?
    Tilo – No começo eu não tinha presumido que a banda seria como o que é hoje, naquela época eu apenas queria gravar uma fita e fazer algumas musicas para tocar no clube que eu costumava visitar porque eu realmente não gostava muito das musicas que eles costumavam tocar. Então eu fiz um desenho da capa enquanto eu escutava o Requiem porque eu acredito que essa é uma das maiores peças da música de todos os tempos, e quando Lacrimosa tocava isso tocou meu coração e eu escrevi Lacrimosa na capa, então isso foi uma decisão intuitiva, porque tudo que aconteceu com Lacrimosa mais tarde veio como uma decisão intuitiva em vez de pensamentos racionais.

    – Qual é a historia por tras de seu logo? O Harlequin?
    Tilo – Por um lado isso foi inspirado em Charlie Chaplin, eu sou um grande fan de sua arte, porque ele tentou entreter seu publico porem ele também tinha uma grande profundidade, e essa também a ideia inicial de Lacrimosa eu quero levar meu publico para outro mundo por alguns minutos e entreter os entreter e dar a eles novos impulsos e inspirações mas não somente a base trivial, mas também em um nível mais profundo, e é por isso que o Harlequin não parece estar feliz o tempo todo, então você pode ver isso é sobre algo maior do que apenas ter um nariz vermelho

    – Seu primeiro álbum intitulado de “Angst” medo, e seu novo álbum é intitulado de “Hoffnung” esperança, e foi lançado em seu 25 aniversario, houve uma mudança em seu atitude pessoal através dos anos?
    Tilo – Sim e não, tudo o que eu fiz até agora veio do fundo do meu coração, então você poderia dizer: Ok, medo naquela época, esperança hoje em dia, mas atualmente isso é apenas isso, o primeiro álbum também poderia ter se chamado “Hoffnung” porque é isso que faz você se esforçar quando você esta com medo, esperança é sempre voltado para o futuro, e então você faz um álbum chamado “Hoffnung”, isso não significa que tudo é bom, mas que você esta se esforçando para um futuro e a maneira de enxergar as coisas, o que definitivamente mudou foi que minha audácia de ter esperança é muito maior hoje em dia

    – porque isso?
    Tilo – bem isso tem a ver com maturidade, quanto mais você envelhece mais amplo se torna o seu ponto de vista, eu tinha 16 quando eu comecei e nessa idade você é muito preocupado com si mesmo mas felizmente isso muda com a idade

    – Eu li uma entrevista onde você chama a musica de “Hoffnung” de a essência de Lacrimosa, como você caracterizaria esse essência?
    Tilo – Eu estou tentando expressar as minhas emoções com Lacrimosa e quanto mais eu cresço em minha experiência musical e textual, o mais profundo eu vou, basicamente eu seria como um arqueólogo, quanto mais profundo eu vou mais eu posso descobrir, e esse é o porque eu chamo o álbum atual ou qualquer álbum seguinte de a essência de Lacrimosa, porque eu estou atingindo maiores profundidades sempre, sob a premissa de que eu permaneço fiel a mim mesmo, se eu perder o contato comigo mesmo que é o que acontece com muitos artistas (as vezes mesmo até sem eles saber), então você não pode dizer algo assim as vezes

    – Você é uma das bandas alemãs mais bem sucedidas em países estrangeiros, por exemplo, você tem muitos fãs na Russia ou México, e atualmente você é mais bem sucedido lado que na Alemanha, você acha que é porque as pessoas lá percebem a sua musica diferente?
    Tilo – Eu acho que isso tem muito haver com como as pessoas lidam com suas emoções, na Alemanha as pessoas são muito reservadas, você está quase com vergonha de si mesmo quando uma musica toca você e você expressa suas emoções, mesmo na cena, mesmo que tenha se originado, entre outras coisas, porque as pessoas estão tentando quebrar normas sociais e mostrando o seu interior para o mundo, mas isso ainda é difícil para os alemães e para as pessoas da cena também, e em outros países como Russia ou America Latina viver seus sentimentos esta em sua cultura, eles não tem problema com isso, eu quero dizer, todos sabem o típico clichê latino americano, Ele é o mais machão de todos mas quando ele vê a sua mãe seus olhos se enchem de lagrimas, que vai junto, mas para os Alemães isso não funciona, e isso é o porque nós colocamos as pessoas no caminho errado porque as pessoas não podem lidar com suas emoções abertamente

    – Seu publico é diferente em países estrangeiros? Na Alemanha muitas pessoas veem vocês como uma banda da cena, mas eu ouvi dizer que algumas bandas nem sequer são associadas com seus designados gêneros quando tocam no exterior. Qual é a sua experiência lá?
    Tilo – Sim, isso é totalmente diferente, também, Somente na Alemanha nós somos chamados de uma banda gótica, na Russia ou na America Latina nós somos considerados como uma banda de Metal e tocamos em festivais de Metal, apenas na Alemanha nós somos uma banda Gótica, lá você pode ver que mesmo como um artista você não tem nenhuma influencia sobre esse tipo de coisa, é a mídia e o publico que colocam o rótulo em nós. A coisa mais interessante é que muitas pessoas na Alemanha sentem que o Goth não é coisa deles, então eles nunca ouviriam Lacrimosa se nós não fossemos rotulados como uma banda gótica, eles poderiam ouvir nossa musica

    – Eu tenho outra pergunta, eu ouvi dizer que você esta trabalhando em um novo álbum para seu outro projeto, Snakeskin, você pode nos dizer mais sobre isso?
    Tilo – Bem, eu estou meio de uma gravação e eu quase que chego atrasado no WGT porque eu queria terminar algo, mas eu não sei quando exatamente isso será lançado, eu tenho um conjunto de datas e isso é relativamente otimista então eu não tenho certeza, mas isso definitivamente será lançado esse ano

    – O que você pensa sobre a comercialização e decaimento do valor na cultura Dark?
    Tilo – Eu acho que tudo o que você faz, você deve ter uma causa, quando você faz algo sem convicção então é muito superficial, Shows de talentos por exemplo, as pessoas vão lá apenas porque elas querem se tornar famosas, se eles falharem como cantores, então eles tentam como um modelo ou eles tentam qualquer outra coisa, apenas para ser famoso, sem qualquer convicção, eles apenas querem ser o centro da atenção. Mas quando alguém tem talento e ele participa de um desses shows de talentos por exemplo, e ele é realmente entusiasmado e ele ganha, então eu apoio isso totalmente. Em relação a cultura Dark ou a arte como um todo, um artista com talento que quer encontrar seus objetivos e fazer sucesso com sua arte, elogio eles, mas eu acho que você pode sentir isso, você pode sentir o fogo interno em várias pessoas , e depois tem outros que você vê que eles apenas querem um pedaço do bolo, e é por isso que eu dou suporte a pessoas que se tornam famosas por seu talento, mas quando alguém é famoso apenas porque ele sabe o que vende melhor, ele pode ser um grande empresário mas para mim isso não tem nada a ver com musica ou talento

    – Perguntas sobre a cena obscura

    – Existem vários grupos diferentes na cultura Dark, o que você acredita ser o menor denominador comum?
    Tilo – Boa pergunta, provavelmente o desejo… eu acredito que seria um desejo com dois lados, em um dos lados o desejo de não se afogar na massa, e por outro lado o desejo de pertencer a algo, a partir do momento em quem você se destaca na massa, você esta sozinho, e isso é perigoso e assustador, mas quando você tem uma casa como uma cena, isso pode ser o se porto seguro, então o denominador é uma combinação desses dois desejos

    – De onde se origina sua afiliação com a cultura Dark?
    Tilo – Bem, a musica veio um pouco mais tarde, bem, tinha uma garota e eu queria descobrir o porque ela sempre estava vestida de preto, e então eu comecei a ir nos clubes em que ela ia e um dia isso funcionou, ela me introduziu na cultura Dark e eu aprendi o que era sobre tudo isso, essa moça e eu seguimos caminhos separados em breve mas eu fiquei na cena até hoje

    – Uma vez você disse que gothic é uma maneira de viver, você pode explicar o que isso significa para você em algumas palavras?
    Tilo – Primeiro de tudo, isso é sobre expressar suas emoções, não sobre ocultar as suas emoções ou construir paredes em torno de si, mas de compartilhar o que vive e o que queima dentro de você com os outros, não em uma maneira agressiva, mas natural, essa é a primeira coisa, e a segunda seria ser completamente livre em sua mente, sem quaisquer fronteiras, então você pode combinar pensamentos da literatura ou filosofia e depois descobrir coisas novas nascidas dessa simbiose… É por isso que estou surpreso que a cena hoje em dia, principalmente coisas em estereótipos, porque isso contradiz aquilo … e isso é uma pena… Então essa é a ideia básica da cultura Dark para mim.

    – Qual é a sua opinião sobre o futuro da cultura Dark? Eu quero dizer que aqui tem muitas pessoas que estão preocupadas com isso
    Tilo – Eles se preocupam com isso desde o começo dos anos 90… Certo, a cena esta mudando, mas tudo muda, caso contrário morre… Eu não sei se isso sempre é bom, mas quando eu observo o WGT e a cultura Dark como um todo, isso esta prosperando, Quando eu estou no palco, eu vejo meninas na multidão, que poderiam ser minhas filhas… a dez anos atrás eu não poderia imaginar que haveria tantas pessoas jovens hoje, eu não me preocupo com o futuro enquanto aqui houver pessoas que se envolvem, como você por exemplo, pessoas que querem apoiar a cultura Dark e é só fazer isso … e contanto enquanto houver pessoas como você eu não vou me preocupar

    – Eu estou feliz em ouvir isso …eu tenho uma ultima pergunta para você, você tem uma citação favorita?
    Tilo – Há tantas incríveis citações e nenhuma dessas vem a minha mente agora, eu escutei muitas citações boas sobre esperança ..e eu apenas tento viver minha vida de uma maneira que eu possa me envolver na comunidade e ser útil para isso e não de uma maneira na qual eu prejudique a comunidade

    #550

Visualizando 2 posts - 1 até 2 (de 2 do total)

Você deve fazer login para responder a este tópico.